CHAPADA DAS MESAS, um cenário único e exuberante, no Sul do Maranhão

06/01/2018
Chapada das Mesas - Cachoeiras, Cânions, Lagoas Cristalinas e muitas Aventuras.

Compartilhe este artigo:

CHAPADA DAS MESAS

Um cenário único e exuberante, no Sul do Maranhão.

Um dos lugares mais espetaculares do Brasil. Um paraíso formado por cachoeiras, lagos, montanhas, rios, vegetação típica do cerrado e clima serrano. A Chapada das Mesas é um dos mais novos Parques do país e está encravada no Sul do Maranhão, abrangendo principalmente, os municípios de Carolina e Riachão. Um local propício para o turismo de lazer e aventura, onde o visitante pode mergulhar em piscina de água mineral, desfrutar de tirolesa, rapel e caminhadas no meio da mata, entre cânions.

Para se chegar a esse paraíso, desconhecido pela maioria dos brasileiros, é preciso disposição. Partimos de carro da capital maranhense, logo nas primeiras horas do dia e seguimos pelas rodovias BR 135, BR 226 e BR 230, passando por Peritoró, Barra do Corda, Grajaú e após cerca de 800 kilômetros, chegamos a cidade de Carolina, numa viagem de quase 12h. Com a reabertura do Aeroporto, o visitante pode chegar também, de avião, em voos comerciais ou de ônibus, que saem de vários pontos do estado. No primeira dia, o ideal é recompor as energias, descansar e conhecer a região central do município, que conta com barzinhos e restaurantes agradáveis.

Na manhã seguinte, do saguão do hotel, já avistamos as belezas montanhosas da região e podemos ter a real dimensão, do que nos aguarda. O guia nos informa das belezas do Parque Nacional da Chapada das Mesas, uma região com uma área de mais de 160 mil hectares e se destaca no cenário turístico mundial, por apresentar as mais belas cachoeiras do Brasil. Na maioria, formadas por água mineral, que brotam das nascentes do Rio Cocal.

A cidade de Carolina, bem próxima da divisa com o estado do Tocantins e por contar com melhor infraestrutura para receber os turistas, é o destino mais procurado para quem deseja conhecer os espetáculos impressionantes e a natureza quase intocada da região. No centro da cidade, existem agências e receptivos, que levam os visitantes, aos diversos atrativos do lugar. O acesso é feito em veículos traçados e para se chegar até próximo das cachoeiras, é preciso circular por trilhas no meio da mata selvagem. O Santuário Ecológico de Pedra Caída é o ponto de maior destaque e o local, conta com 03 quedas d'água enormes, bem ao lado de um cânion incomum no país. Indiscutivelmente, um dos lugares mais apaixonantes do planeta.

O vizinho município de Riachão, fica distante cerca de 1 hora e conta com instalações hoteleiras mais modestas. No entanto, é lá, que estão localizadas, as mais belas paisagens do Maranhão. Um lugar conhecido como "Encanto Azul" é um dos cenários mais energizantes da Chapada. Um complexo de águas incrivelmente cristalinas, que descem das incontáveis rochas e formam piscinas naturais de tons incomparavelmente, azuis. Para se chegar a esse paraíso, passamos por trilhas a pé no meio da mata fechada, pequenas pontes de madeiras e escadas, mas o passeio é altamente compensador. É impossível, não mergulhar e se encantar diante de tamanha e rara beleza, que conta ainda, com animais silvestres e esculturas naturais gigantes.

Além das formações rochosas, platôs e incontáveis áreas de banho, o Parque conta com grutas, cavernas e vem se despontando como um importante destino de aventura. Atividades de paraquedismo, treeking, ciclismo, montanhismo, rapel, canoagem e até rallys, estão sendo inseridos em competições locais e nacionais. Um paraíso perfeito, para os amantes da natureza ou para quem busca, turismo de aventura.

A Cachoeira de Santa Bárbara é excelente para banhos refrescantes. Já a Cachoeira de Itapecuruzinho, um pouco mais a frente, é a mais frequentada, devido a sua proximidade com a região urbana. A reserva de Itapecuru é cercada pela selva, ainda preservada, espaço para o banho conta com chalés, restaurante e equipamentos para pratica de esportes. Assim é a Chapada das Mesas. Um conjunto de peças do sertão e atrativos fascinantes. Um orgulho do povo maranhense e um lugar, onde vale a pena, viver intensamente, cada momento.

DICA IMPORTANTE:

Devido ao calor intenso, é recomendável beber bastante água. Como os locais de visitação são no meio da mata, leve lanche, frutas e saquinhos de lixo. Apesar do crescimento turístico da região, as cidades de Riachão e Carolina, ainda são consideradas de médio porte. A maioria das empresas locais, são familiares e o atendimento ao público, ainda contam com algumas falhas na qualidade dos serviços oferecidos. É preciso conferir de perto o roteiro programado e atentar aos horários previstos. Prefira ficar nos hotéis próximos aos pontos de visitação, ou que ofereçam translados aos locais turísticos. O visitante que for pernoitar em Imperatriz, o ideal é ficar próximo ao centro da cidade. Evite circular pela rodovia Belém - Brasília, durante a noite. Além do tráfego intenso de caminhões, motos e carros, a estrada tem elevada taxa de prostituição e assaltos. O cardápio na região é bem diversificado, na maioria composto de carnes e peixes, sempre acompanhados de farinha de mandioca, batata e vinagrete. A maioria dos estabelecimentos comerciais aceitam cartões de crédito e débito. Uma boa parte dos visitantes, chegam de ônibus e os terminais rodoviários, contam com serviços de taxi ou vans.

COMO CHEGAR:

Pode-se chegar de várias maneiras. De avião, através de vôos regulares que chegam nas cidade de Imperatriz ou Carolina. De ônibus: www.progressoonline.com.br, viacaoacailandia.com.br, transbrasiliana.com.br. Preço médio das passagens: R$ 95,00. De trem, partindo da Estação Ferroviária de São Luis, no bairro do Anjo da Guarda, toda segunda, quinta e sábado. Retorno: terça, sexta e domingo. www.vale.com/tremdepassageiros. ou 0800 285 7000. De carro, saindo de São Luis, basta seguir pelas BR-135, BR-226 e BR 230.

ONDE COMER:

Existem boas opções na região. Lanchonetes, bistrôs, pizzarias e restaurantes aconchegantes. Durante os passeios, almoce nos locais de visitação. Pratos para 02 pessoas a partir de R$ 56,00.

ONDE FICAR:

Imperatriz: Imperial Hotel (99) 3529-6102. Carolina: www.pousadadolajes.com.br. Complexo Turístico de Pedra Caída (99) 3531-2426. Preços sob consulta.

O QUE LEVAR:

Como as cidades são quentes durante o dia, é importante usar roupas leves, claras e confortáveis. Óculos esporte, tênis, bermudas, camisetas e roupas de banho. Abuse do protetor solar. Câmeras ou filmadoras digitais, para registrar todos os momentos da viagem e planeje bem o seu tempo de permanência.

Compartilhe: