LENÇÓIS MARANHENSES, uma das maravilhas naturais do planeta.

06/01/2018
Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, um Paraíso criado pelas mãos do Grande Arquiteto do Universo.

Compartilhe este artigo:

Imagine uma cidade do tamanho de São Paulo, a maior metrópóle da América Latina, onde ao invés de prédios, ruas, construções e parques, exista uma imensidão de dunas de areia fina, lagoas com águas cristalinas, rios refrescantes, praias primitivas e uma natureza exuberante. Esse paraíso existe e fica localizado na região nordeste do litoral do Maranhão e é considerado um dos destinos mais bonitos do país.

O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses é uma área de preservação ambiental assegurada pelo IBAMA e conta com uma extensão territorial superior a 156 mil hectares. O lugar engloba os municípios de Primeira Cruz, Santo Amaro e Barreirinhas, que devido ao acesso rodoviário totalmente pavimentado, se tornou o principal portão de entrada, para esse lugar fascinante.

Logo na entrada da cidade, o visitante se depara com uma duna gigante, rodeada por uma vegetação nativa e um rio que de tão calmo, é chamado de Preguiça. Seguindo para qualquer lado, pode-se perceber, a grande e boa estrutura de hotéis, pousadas, restaurantes e diversas lojinhas de roupas e artesanato local.

Para começar a desbravar o lugar, é preciso disposição. O acesso as incontáveis lagoas de águas azuis e transparentes, é feito através de veículos 4X4, estilo jardineira. Paralelepípedo, balsa, trilha de areia e enfim, após cerca de 1 hora de viagem, o turista pode finalmente, conhecer um dos mais raros e belos fenômenos da natureza. As "piscinas naturais" são formadas pelas águas das chuvas, que caem principalmente, nos primeiros meses de cada novo ano. A maioria dos passeios, acontecem após o almoço, para que o visitante possa contemplar outro cenário único, o por do sol nos Lençóis Maranhenses. O sol vai sumindo atrás das dunas e tudo se transforma num dourado impressionante.

Além dos passeios ás lagoas do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, Barreirinhas também tem outros atrativos. Dentre eles, o povoado de Caburé, um dos pontos mais visitados da cidade. Uma pequena vila de pescadores com casinhas simples, recobertas por palha de buriti e está localizada estrategicamente, entre às margens do Rio Preguiças e uma extensa faixa de praia com tom verde oliva e quase deserta. Um local simpático, isolado do mundo e ótimo para lua de mel ou lazer em família. Uma verdadeira obra-prima da natureza. Habitado por um número reduzido de pescadores e proprietários de pousadas, o que mais se vê em Caburé, são turistas de todos os lugares do Brasil e do mundo, que buscam o sossego. Até sinal de celular, é raro por lá. O lugar é místico, com luz movida a gerador. Um delicioso refúgio onde o visitante pode tomar banho de mar e tirar o sal do corpo na água doce do Rio Preguiças.

Outro passeio imperdível, para todas as idades, neste pedacinho de chão especial no planeta, é a descida de bóia no Riacho Cardoza, um afluente do Rio Preguiças com águas transparentes, tranquilas, com muitas palmeiras ao seu redor e vegetação marítima diversa. Um passeio refrescante, onde o turista pode escolher entre flutuar através de bóias de câmaras de ar de pneus ou coletes. O percurso dura cerca de 1 hora e no final, a opção é almoçar uma deliciosa galinha caipira, por lá mesmo ou apreciar a grande variedade de peixes e frutos do mar.

Quando a noite chega, começa o vai e vem de turistas pela orla do Rio Preguiças, na região central do município, onde existem bons restaurantes, barzinhos com música ao vivo e lojinhas que comercializam roupas de banho, camisetas, lembrancinhas e peças de artesanato, na maioria, feitas da fibra de buriti (planta nativa abundante na região), renda de bilro e madeira. Por falar em agitos, a Prefeitura de Barreirinhas está programando um grande carnaval e espera receber um número significativo de turistas. Bailes, blocos e bandas renomadas fazem parte da folia momesca, que começa no sábado de carnaval e vai até a terça-feira. Nas férias de julho, acontece a tradicional vaquejada, com shows folclóricos e artistas locais.

Descobrir os prazeres desse lugar não é uma tarefa difícil. Basta o visitante sair do clima frenético dos grandes centros urbanos e se deixar seduzir pelo clima tranquilo e natural de Barreirinhas. Centenas de dunas divididas por lagoas gigantescas formando uma paisagem invejável e que pode ser interligada por outro cenário encantador, a "Rota das Emoções". Conhecer os Lençóis Maranhenses é algo incomparável e deve ser objeto de desejo de todos os Brasileiros. Barreirinhas, orgulho do Brasil.

DICAS IMPORTANTES:

Barreirinhas fica distante cerca de 250 km do Centro Histórico de São Luis e a maioria dos turistas, que partem da capital maranhense, seguem por via rodoviária, numa viagem que dura cerca de 3 horas. O ideal é sair pela manhã logo cedo e seguir direto até o local de hospedagem, almoçar e em seguida, começar o passeio pelas lagoas do Parque Nacional. No segundo dia, o visitante deve partir por volta das 09h00 da Avenida Beira Rio e seguir até o lugarejo de Caburé. A viagem é feita através de lanchas "voadeiras". As paradas nos povoados de Vassouras e Mandacaru, proporcionam bons momentos e contato direto com a natureza. Do alto do Farol da Marinha, que é aberto ao público, o visitante pode ter uma ideia da imensidão do Parque e avistar boa parte dos Grandes Lençóis, do Rio Preguiças e seu encontro com o mar. Uma visão majestosamente inesquecível. Devido a área ser de preservação permanente pelo IBAMA, é proibido o tráfego de veículos motorizados e construções de alvenaria. Na hora de contratar os passeios, escolha empresas com guias especializados e opte pelos passeios coletivos, que são mais baratos e envolventes. Uma boa opção é a CN Turismo (98) 9934-1779, que oferece todos os passeios, pelo preço médio de R$ 50,00 por pacote individual. É importante planejar com antecedência o período da viagem, aproveitando ao máximo, todos os atrativos do lugar. Quem for ao povoado Atins, não pode deixar de degustar, o delicioso camarão da malásia. A maioria dos estabelecimentos aceitam cartões de crédito e débito. Evite o "assédio" de pessoas, que se passam por guias ou empresas de turismo. Oferecem preços um pouco mais baixo, mas o resultado final, não compensa.

COMO CHEGAR

Do Terminal Rodoviário de São Luis: Ônibus da empresa Cisne Branco. (98)3243-2847. www.cisnebrancoturismo.com.br. Viagens diárias e as passagens custam em torno de R$ 30,00. Serviços de Vans e Microônibus, são outras boas opções e tem a vantagem de apanhar o turista no hotel ou residência. CN Turismo (98) 9934-1779. Preço médio por pessoa R$ 50,00. Quem optar por via aérea pode contratar a Cururupu Taxi Aéreo e ainda contemplar panoramicamente, o esplendor do mosaico dos Lençóis Maranhenses. (98) 8250-0219. Preço sob consulta.

ONDE FICAR

Barreirinhas oferece ótimas opções de hospedagem para todos os gostos e bolsos. Uma feliz escolha é aproveitar os serviços, o conforto e a piscina com bar molhado do Grand Lençóis Resort. (98) 3349-6000 Preço sob consulta.

ONDE COMER

A Avenida Beira-Rio concentra os principais restaurantes. Fora desse trecho, o Bambaê, que fica próximo ao Grand Lençóis Resort é uma boa opção. Preço médio dos pratos para 02 pessoas R$ 65,00.

Compartilhe: