Dia do Comércio de Balneário Camboriu será comemorado no dia 17 de agosto

13/07/2019

Compartilhe este artigo:

Os comerciantes de Balneário Camboriú já têm um dia para chamar de seu. A Câmara de Vereadores aprovou, recentemente, em caráter conclusivo, o Projeto de Lei Ordinária nº 237/2018, do vereador Omar Tomalih, que institui 17 de agosto como o Dia do Comércio no calendário oficial do município. A data foi sugerida em homenagem ao aniversário da CDL, entidade de classe mais antiga da cidade, fundada em 1977.

O autor do projeto explica que o objetivo da lei é reconhecer a importância dessa matriz econômica e ao mesmo tempo homenagear a entidade de classe mais antiga de Balneário Camboriú. “O nosso comércio é responsável por grande parte dos empregos gerados na cidade, tornando os comerciantes agentes importantes no fomento da economia local. A CDL sempre esteve participando ativamente junto ao Poder Público e demais segmentos da economia na resolução de problemas pertinentes ao comércio. Então é uma justa homenagem”, explica o parlamentar.

Para a presidente da CDL de Balneário Camboriú, Eliane Colla, esse é um reconhecimento importante, especialmente porque a atividade tem muitos desafios. “Nos sentimos mais fortalecidos e valorizados com isso. Dá mais orgulho, mais ânimo pra trabalhar e defender a nossa classe e a nossa cidade. É importante que tenhamos uma data que nos possibilite discutir as melhorias e o futuro do comércio”, comemora Eliane.

Saiba mais

Desde a fundação, há 42 anos, a CDL sempre esteve ligada à defesa de importantes bandeiras socioeconômicas locais. Entre o final da década de 1980 e início da década 1990, associados da CDL ajudaram a cobrar mais infraestrutura de distribuição de água e tratamento de esgoto à Casan, estatal responsável pelo serviço na época.

Na década de 1990, a duplicação da BR-101 em Santa Catarina e a construção do 12º Batalhão da Polícia Militar em Balneário Camboriú – com o objetivo de não depender mais do comando da corporação em Itajaí – já estavam nas pautas de demandas da entidade. A entidade liderou um movimento que chegou a fechar a rodovia federal por quase uma hora com o objetivo de chamar a atenção para a necessidade do viaduto de acesso à cidade.

Em parceria com o sindicato do comércio, a entidade também conquistou uma de suas mais emblemáticas bandeiras: a lei do horário livre para o comércio, que ganhou a permissão oficial para abrir inclusive em domingos e feriados nacionais. Até hoje, um dos grandes diferenciais turísticos de Balneário Camboriú é o horário flexível das lojas, que só não podem abrir em apenas 2 dias do ano: Natal e Dia do Trabalho. Em nenhuma outra cidade de Santa Catarina, o comércio abre 363 dias do ano.

Compartilhe: