Prefeitura de Balneário Piçarras realiza leilão de bens móveis e imóveis

29/07/2020
Ao todo são 243 lotes de bens a serem leiloados; Edital está disponível em www.leiloador.com.br

Compartilhe este artigo:

A Prefeitura de Balneário Piçarras fará leilão público nos dias 10 e 11 de agosto para a venda de bens móveis e imóveis pertencentes ao órgão. O procedimento acontecerá apenas online, com início às 09h, através do portal www.leiloador.com.br, mediante cadastro prévio. O edital também está disponível no mesmo endereço eletrônico.

No dia 10 de agosto acontecerá o leilão dos bens imóveis. São 243 terrenos com valores que vão de R$ 18.100,00 a R$ 414.915,00 de lance mínimo. “São terrenos [em sua grande maioria] pequenos e individualizados sem projeção de uso e serventia para a construção de equipamentos públicos ou projetos que possam reverter em benefício para a população”, explicou a Secretária de Administração e Fazenda, Ana Lúcia Wilvert.

Esta é a primeira vez que a prefeitura fará um leilão de bens imóveis. Os terrenos foram obtidos com o tempo, através das aberturas de loteamentos. O município ainda continuará com a posse de uma quantidade significativa de terrenos em áreas específicas, separados para futuras instalações de equipamentos públicos.

“Em cada novo loteamento, necessita-se destinar parte dos lotes ao município. O que normalmente acontece é a destinação de lotes individuais, pequenos ou de localização prejudicada. Fizemos um estudo de viabilidade e categorizamos as áreas de menor interesse para o município”, pontuou o Diretor de Patrimônio, Laércio Pezatto.

Além de bem imóveis, haverá no dia 11 de agosto o leilão de bens móveis, com onze lotes totais de veículos e sucatas. Dentre os carros, está um Uno Mille Fire 2008 com lance inicial de R$ 2.800. Nas sucatas, tem itens com lance inicial em R$ 100. Todos os bens móveis estão à disposição para visitação no galpão da prefeitura um dia útil antes da realização do leilão.

Para os participantes do Leilão, será necessário cumprir ao regulamento, com o envio de documentos completos, dentro do prazo estipulado de até dois dias antes da data do Leilão Público. O interessado deverá obter a autorização e a senha para poder ter acesso ao Leilão online e poder efetuar seus lances.

Ao município, caso todos os lotes de bens móveis e imóveis tenham compradores e por valores iniciais, o montante a ser arrecadado é de R$ 8.559.368,00, entretanto, por se tratar de leilão, não há nenhum tipo de previsão concreta. De acordo com o prefeito, Leonel Martins, o investimento será pulverizado em diversas áreas.

“Ainda não sabemos o montante final a ser arrecadado. Pretendemos investir parte do recurso em pavimentação e drenagem pluvial nos bairros, além de realizar outros investimentos de interesse coletivo voltados principalmente às áreas de Educação e Saúde, observando ainda a demanda atual em torno da pandemia do Covid-19”, enfatizou o prefeito.

Todas as informações adicionais podem ser verificadas diretamente no Portal Leiloador, do Leiloeiro Oficial Júlio Ramos Luz, contratado pelo município atendendo a legislação vigente através de processo licitatório.

Edital>>

https://mail.google.com/mail/u/0?ui=2&ik=322b81c15a&attid=0.2&permmsgid=msg-f:1673578782039581087&th=1739bf090719a19f&view=att&disp=inline&realattid=f_kd6dt2d10

Compartilhe: