06 a 10/11 – Almirzinho, Adryanna Ribeiro e Celsinho Mody agitam a semana no Pátio SP

06/11/2019
Bar é referência em música ao vivo na Vila Madalena

Compartilhe este artigo:

Almirzinho, Adryanna Ribeiro e Celsinho Mody agitam a semana no Pátio SP

06 a 10/11 – Almirzinho, Adryanna Ribeiro e Celsinho Mody agitam a semana no Pátio SP

Bar é referência em música ao vivo na Vila Madalena

"Dias da semana" também têm samba no Pátio SP - bar de música brasileira localizado na boêmia Vila Madalena. Já conhecido por promover grandes festas com importantes nomes do samba, mais uma vez o bar se prepara para agitar o público. “É para começar as quintas de novembro em grande estilo”, comenta Christian Caballero, sócio do bar.

O projeto “Samba no Pátio”, toda quinta-feira, comandado pelo grupo Desejo Maior, receberá o cantor Almirzinho, no dia 07 de novembro.

Nascido em uma tradicional família de sambistas, é filho de Almir Serra, o saudoso Almir Guineto, um dos grandes representantes do samba de raiz, neto de Dona Fia e Iraci Serra.

Para completar a sua rica árvore genealógica musical, é sobrinho do Mestre Louro do Salgueiro, e de Chiquinho (fundador do grupo Os Originais do Samba).

Almir Serra, o Almirzinho, nasceu no Morro do Salgueiro (RJ), dia 20 de novembro de 1970, dia da Consciência Negra.

No repertório, sucessos como “Coração Leviano – Paulinho da Viola”, “Alguém me avisou (foram me chamar) – Gil, Caetano e Maria Bethânia” e “Meiguice Discarada, Conselho e Mãos” – Almir Guineto.

Mas, na quarta (06), já tem sertanejo ao vivo com Victor Ferreti.

A já consagrada sexta (08) tem “aquela” roda de samba, primeiro com Dose Certa e na sequência com MBM – Melhor Banda do Mundo, com samba retrô dos anos 80 e 90.

Sábado (09) é dia de feijoada com música ao vivo dos cantores Adryanna Ribeiro, Celsinho Mody, Juninho FPA e Blá.

No domino (10/11), o cantor Blá volta ao palco com mix musical.

Para curtir ainda mais, a dica é chegar cedo para o happy hour das 17h às 21h30, com drinques a preço especial, rodízio de petiscos e open chope, disponíveis de terça, quarta e quinta.

A seleção de drinques inclui opções tradicionais e especialidades da casa, todos a R$ 19,90 cada.

Entre os clássicos, Gim tônica tradicional - Gim Gordon´s, água tônica e limão (preço normal R$30) e Mó Agito (como foi batizado o Mojito) - Rum, folhas de hortelã, suco de limão, xarope de açúcar e água gaseificada (preço normal R$ 28).

Os que levam a assinatura do bar, estão o Cardeal Arcoverde - Gim Bombay Sapphire com água tônica aromatizada com angostura, twist de limão siciliano, limão taiti e canela em pau (preço normal R$ 32), Pátio do Colégio - Vodca com infusão de amoras, purê de morangos, lichia, aipo e bitter de laranja (preço normal R$ 28) e capirinha Morena - Cachaça leblon, limão taiti, suco de limão siciliano e rapadura (preço normal R$ 25).

Pátio SP

A esquina das ruas Mourato Coelho com a Wisard já virou point na boêmia Vila Madalena, em São Paulo.

Sextas, sábados e domingos, animados, marcam o ponto privilegiado do bairro, que atrai a frequência de moradores de outros lugares da cidade.

Pelas grandes portas envidraçadas que separam a calçada do bar, é possível ver a galera entusiasmada que procura o local para curtir as atrações musicais, os bons drinks e petiscos servidos na casa.

Para Christian Caballero e Victor Gambardella, sócios da casa, o Pátio SP conseguiu conquistar o público que gosta de frequentar um ambiente bonito, que tem jardim vertical, grafite na parede, teto retrátil e mobiliário feito de pallets reciclados; com boa comida e bebida e música ao vivo eclética e de qualidade.

“O bar é a cara de São Paulo, que prima pelo atendimento e onde o paulistano se sente em casa e o turista vai conseguir entender um pouco da cidade”, diz Caballero.

No cardápio há o resgate de itens como sandubinha de carne-louca, pavê de chocolate e pudim de leite, que faz lembrar comida de vó e das boas festas de família.

Ao mesmo tempo, serve petiscos que não podem faltar na mesa de um bom bar, como espeto de carne com farofa e vinagrete, croquete de costela, dadinhos de tapioca e calabresa acebolada.

Na parte de coquetelaria, a ideia é oferecer bebidas e drinques que passeiam entre os clássicos, autorais e especialidades do Pátio SP.

Uma seleção inspirada em pontos turísticos da cidade, como Mourato Coelho e Pátio do Colégio, por exemplo, e em brasilidades, como a rapadura e a caipirinha, fazem sucesso.

Pátio SP Bar

Rua Mourato Coelho, 1.272, Vila Madalena, São Paulo

Tel.: (11) 2386-0908

Facebook: facebook.com/patiosp

Instagram: @patiospbar

www.patiosp.com.br

Horário de funcionamento: segunda, das 11h30 às 15h; terça à sexta das 11h30 às 15h e das 17h às 00h; sábado das 12h à 1h e domingo das 12h às 23h.

Cartão de crédito: Visa, Mastercard, Amex

Cartão de débito: Visa, Mastercard e Amex

Tickets eletrônicos: Não

Aceita cheque: Não

Valet: sim – R$ 25

Capacidade: 285 pessoas

Som ambiente: Sim

Música ao vivo: de terça a domingo (vale checar programação antes)

Aceita reserva: Sim

Wi-fi: Sim

Mesas ao ar livre: teto retrátil

Acesso para deficientes: sim

Atividade para crianças: não

Leia também V Festival Brasil de Cinema Internacional

Compartilhe: