Dicas para melhorar a autoestima e aliviar o estresse

18/12/2019
Saiba como aumentar sua autoestima e viver uma vida mais livre do estresse, tirando suas principais dúvidas sobre o assunto.

Compartilhe este artigo:

O estresse é considerado um dos principais problemas da sociedade atual. Além de interferir sobre a saúde mental, ele é capaz de provocar sintomas físicos e acabar com a saúde e qualidade de vida.

Mas para se livrar do excesso de estresse, precisamos estar bem conosco, melhorando a autoestima e nos sentindo plenos.

Para que você possa alavancar seu estado de espírito e viver uma vida mais tranquila, preparamos dicas valiosas para potencializar sua autoestima.

Pronta para saber mais sobre o assunto? Siga a leitura até o fim!

Dicas para deixar o estresse bem longe e a autoestima lá em cima

1. Pratique exercícios físicos

Para muitos, a prática de exercícios físicos pode ser considerada uma verdadeira tortura. Mas talvez essas pessoas não saibam o quão vantajoso ela pode ser para a saúde física e mental.Quando mantemos nosso corpo em movimento, facilitamos a liberação de hormônios que promovem a felicidade e o bem-estar – e é por isso que atletas dizem que o esporte é viciante.

Se você não é muito fã de atividades física, procure encontrar um exercício que seja mais tolerável e que te promova algum bem-estar, iniciando aos poucos.

Caso a musculação não seja sua praia, existem infinitas opções, como: dança, bicicleta, caminhada, corrida, pedalada, yoga e artes marciais.

Desta maneira, é possível liberar hormônios que aumentam a qualidade de vida e somar pontos positivos para todo o corpinho – e quem é que não fica com a auto estima lá em cima quando “sente na pele” os resultados?

2. Cuide da sua saúde mental

Tem muita gente que não entende que a saúde mental é tão importante quanto a saúde física, ignorando a importância de estar com os pensamentos e as emoções bem controlados.

Quando não cuidamos de nossa saúde mental e deixamos o estresse tomar conta, abrimos portas para o desenvolvimento de várias doenças, comprometendo nossa longevidade.

Portanto, procure ter uma vida mais relaxada e faça coisas que te completam.

Não esqueça de tirar um tempinho para cuidar de você, mantendo as emoções positivas sempre que possível. Para ajudar nesse processo, experimente fazer poucos minutos de meditação diariamente, os resultados podem ser incríveis!

3. Capriche na estética corporal

Em um mundo tão preocupado com as aparências, não podemos negar que a estética corporal é muito importante para elevar a autoestima.

E é importante entender que isso não significa seguir estereótipos, mas sim se sentir bem consigo mesma.

Além de manter uma dieta equilibrada e o corpo em movimento, conte com tratamentos estéticos para alavancar seus resultados pessoais.

Até uma simples massagem modeladora pode fazer toda a diferença, melhorando sua autoestima e reduzindo o estresse do dia a dia.

Como alguns casos de autoestima podem estar envolvidos com fatores de não aceitação do próprio corpo ou desejo de mudá-lo, talvez seja melhor buscar um médico especialista e analisar as opções de tratamento para o caso.

4. Cultive amizades positivas

O nosso meio exerce influência crucial sobre pensamentos, condutas e sentimentos.

Se vivemos rodeados por pessoas com pensamentos negativos, a tendência é que também fiquemos com a auto estima baixa e cheios de estresse.

Portanto, talvez seja melhor rever o seu meio e procurar se relacionar com pessoas mais animadas, elevando a autoestima.

Deixe de lado os relacionamentos tóxicos e aquelas pessoas que não agregam valor, procurando estar mais perto daquelas que você ama e que te fazem sentir bem – do jeitinho que você é!

5. Tire um tempinho para si

É muito importante ter um tempo para respirar e pensar em si.

Mas como fazer isso em meio à correria do dia a dia?

Calma! Isso não é tão difícil quanto parece.

Aposto que se você se colocar como uma das prioridades, vai encontrar pelo menos uma horinha na semana para tomar aquele banho relaxante, comer aquela comida que você tanto gosta ou dar uma pequena caminhada para relaxar.

Além disso, não deixe de lado sua rotina de cuidados pessoais. Afinal, quando estamos bem cuidadas, nos sentimos prontas para “causar”!

Tudo é questão de planejamento, só não esqueça de incluir na agenda aquelas ações que te fazem bem – isso vai ajudar a aumentar sua qualidade de vida e espantar o estresse.

6. Não se cobre tanto e se recompense mais

Em vez de ficar se cobrando pelo que não realizou, que tal se recompensar pelos grandes feitos que conquistou?

Deixar de lado os pensamentos negativos e valorizar suas melhores ações é uma das melhores maneiras de elevar a autoestima e ver o quanto você é incrível.

As recompensas não precisam ser exageradas, pode ser até aquele banho relaxante que você não toma há tempos – mas jamais deixe de realizá-las.

Seu cérebro com certeza irá entender isso como benéfico e terá ainda mais motivação para acabar com o estresse e seguir firme rumo aos seus objetivos de vida.

7. Fique com a postura da “mulher maravilha”

Tem gente que vai rir e pensar que esse conselho é besteira, mas nossa linguagem corporal é capaz de alterar completamente nossos pensamentos.

Quando estamos com posturas firmes, como a da “mulher maravilha”, aumentamos nossa coragem e ficamos ainda mais atraentes.

Por isso, procure fazer essa postura e alavancar sua autoestima ao menos uma vez por dia – você irá sentir as vantagens na pele, acredite!

Considerações finais

Apesar de ser quase impossível ficar livre do estresse e manter a autoestima em dia em meio a uma sociedade tão agitada e conturbada, pequenas ações diárias podem mudar toda a maneira com que encaramos a vida.

Se nos preocuparmos em ter pensamentos positivos, melhorar nossas amizades, exercer posturas de coragem, cuidar do nosso corpo e tirar um tempinho para relaxar, os resultados podem ser incríveis - e podemos viver uma vida mais rica em significado e bem mais tranquila.

Que tal começar a seguir essas dicas hoje mesmo?

Gostou do conteúdo de hoje sobre como aumentar a autoestima e se livrar do estresse? Comente logo abaixo suas dúvidas – estamos prontos para atendê-la!

Compartilhe: