Bombinhas divulga Pesquisa de Demanda Turística da Temporada 2022

14/06/2022

Compartilhe este artigo:

A Prefeitura de Bombinhas, por meio da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico – Setur, divulgou os dados da Pesquisa de Demanda Turística da temporada 2022. A pesquisa foi realizada pela empresa Lupi Associados Pesquisa e Marketing, através do Consórcio Intermunicipal de Turismo Costa Verde & Mar – Citmar, com aplicação nos nove municípios da região turística. O objetivo foi identificar o perfil do turista que visita a região e avaliar o grau de satisfação durante sua estada.

De janeiro a março deste ano, foram realizadas 463 entrevistas em Bombinhas. Do total, 77% dos entrevistados eram brasileiros, com predomínio dos estados do Rio Grande do Sul, Paraná, Santa Catarina e São Paulo; e cerca de 17% eram estrangeiros vindos da Argentina, 4,5% do Paraguai e 0,9% de outros países. Quase 70% dos entrevistados afirmaram que já estiveram no município antes.

Na pesquisa, foi observada a predominância de famílias (76,2%) e de pessoas com no mínimo nível superior completo (34%). Os automóveis foram o principal meio de transporte utilizado para a viagem (91,8%). Os dados mostraram ainda que o tempo de permanência na cidade manteve-se igual ao ano anterior, sendo 7 dias. Também se observou que o número de pessoas por grupo permaneceu 4, e o gasto médio diário por grupo reduziu de R$ 792,00 para R$ 675,90. Além disso,mais da metade dos entrevistados (56,2%) optou por se hospedar em imóveis de aluguel.

Com relação à avaliação da infraestrutura e dos serviços, destacaram-se a hospitalidade (96,5% avaliaram como muito bom/bom); os atrativos naturais (98,4% avaliaram como muito bom/bom); a segurança (92% avaliaram como muito bom/bom) e a limpeza pública e conservação do entorno (89,6% avaliaram como muito bom/bom).

O resultado da pesquisa revelou que 99% dos entrevistados recomendariam o município a outras pessoas e 96% pretendem retornar. Sobre a TPA, 67,6% dos entrevistados concordaram com a cobrança da taxa, e quase metade (48,8%) com o valor cobrado. Os resultados completos estão à disposição para download clicando aqui. Já as pesquisas regionais podem ser conferidas no www.citmar.sc.gov.br.

Compartilhe: