Estudante do SENAI Itajai vence concurso cultura sobre erradicação de trabalho infantil

16/10/2020

Compartilhe este artigo:

Lidia Lara Dos Santos, de 18 anos de idade, estudante do curso de assistente de produção, no SENAI de Itajaí, foi uma das três finalistas do Concurso Cultural “Combate ao Trabalho Infantil e Proteção aos Adolescentes no Trabalho”, edição 2020. As alunas Luanna de Lima Américo, de Jaraguá do Sul e Laura Peixer Amorim, de São João Batista, ambas também do SENAI, foram selecionadas no concurso que promove reflexões sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e desenvolve a criatividade e a inovação. O resultado foi anunciado na noite de ontem, quarta-feira (14). A premiação foi um notebook para cada vencedora.

“Não achei que ganharia e fiquei muito feliz com a premiação. Foi muito gratificante passar por esse concurso, por essa etapa, pois isso é uma coisa muito séria que mais pessoas deveriam pegar essa causa. (...) espero que o vídeo também chame a atenção de outras pessoas, pois não são apenas números, são vidas de crianças que realmente estão em risco na exploração do trabalho infantil”, destacou a estudante de Itajaí, que foi orientada pelas professoras Casiana Regina Battisti da Silva e Dayane Winggers.

“Acredito que, quando tocamos nossos alunos a respeito de algo, como o trabalho infantil, que o foi o tema do concurso cultural, estamos promovendo consciência e, o mais importante de tudo, estamos formando seres humanos, que enxergam o outro. Crianças e adolescentes bem informados, serão adultos que lutarão pelos seus direitos e cidadãos dignos de respeito”, frisou a professora Dayana.

O desafio foi destinado aos jovens de 14 a 18 anos que participam dos programas sociais e de aprendizagem em diversas entidades de Santa Catarina que são participantes do Fórum Catarinense de Aprendizagem Profissional (FOCAP) e do Fórum Estadual de Erradicação de Trabalho Infantil e Proteção do Adolescente no Trabalho de Santa Catarina FETISC, que promoveram o concurso. A proposta estimula o debate sobre conteúdos voltados ao combate ao trabalho infantil e à proteção de adolescentes no trabalho para fortalecer o protagonismo e a cidadania infanto-juvenil.

“Nesse período de pandemia, continuamos incentivando nossos alunos a estudar, se superar e participar de atividades extras, como este concurso. Adicionado ao aprendizado da participação, a emoção do vídeo da nossa aluna Lídia da aprendizagem do SENAI Itajaí e os ensinamentos gerados para a vida. Continuaremos sempre, incentivando e direcionando nossos alunos, plantando sementes para o futuro desses jovens e para construção de um mundo melhor”, descreveu a gerente executiva do SENAI de Itajaí, Syntia Sorgato.

Compartilhe: