Centro Educacional Municipal,Balneário Camboriú,Dona Lili,projeto-piloto,Língua Brasileira de Sinais,Libras,Secretaria Municipal de Educação
Balneário Camboriú Implementa Projeto-piloto em Libras no CEM Dona Lili

Balneário Camboriú Implementa Projeto-piloto em Libras no CEM Dona Lili

Facebook
Twitter
LinkedIn
Centro Educacional Municipal,Balneário Camboriú,Dona Lili,projeto-piloto,Língua Brasileira de Sinais,Libras,Secretaria Municipal de Educação

Projeto-piloto em Libras no CEM Dona Lili

O Centro Educacional Municipal (CEM) Dona Lili, em Balneário Camboriú, está promovendo uma iniciativa inclusiva com a implementação de um projeto-piloto de ensino da Língua Brasileira de Sinais (Libras). A iniciativa, mantida pela prefeitura, envolve cerca de 700 alunos do 1° ao 5° ano, que agora têm a oportunidade de aprender Libras como parte do currículo regular.

Objetivo e Impacto da Iniciativa

O principal objetivo do projeto é fomentar a comunicação social em Libras dentro da unidade escolar, criando um ambiente de troca e convivência entre alunos ouvintes e surdos. Atualmente, o CEM Dona Lili conta com duas alunas surdas que são atendidas por um professor surdo para a alfabetização em Libras e em Língua Portuguesa. A iniciativa também visa o desenvolvimento cognitivo dos alunos, o estímulo à cultura e à comunicação, o respeito à diversidade humana e o incentivo à empatia.

Estrutura e Conteúdo das Aulas

Os estudantes, com idades entre 6 e 12 anos, participam de encontros semanais voltados ao ensino da estrutura e comunicação em Libras. Eles aprendem este sistema linguístico de natureza visual-motora, que possui organização gramatical própria e é voltado à transmissão de ideias e fatos. Além disso, os alunos recebem materiais de apoio para auxiliar no aprendizado.

Resultados Positivos

Conforme a Secretaria Municipal de Educação, já são observados inúmeros impactos positivos desde a implementação do projeto há 12 meses. Entre os benefícios estão o desenvolvimento cognitivo no aprendizado de uma nova língua, o estímulo à cultura e à comunicação, o respeito pela diversidade humana, e o incentivo à empatia entre os alunos ouvintes e surdos.

Relacionados
NEWSLETTER
Assine nossa newsletter para se manter atualizado.
plugins premium WordPress