IMAS/Imigrantes Hospital e Maternidade,Brusque,Relatório de Gestão,Instituto Maria Schmitt,Rio Grande do Sul,Santa Catarina,Mato Grosso,Oncologia,Mamografia,Tomografia,Unidade de Terapia Intensiva,Central de Esterilização,Anestesiologia,Cardiologia,Cirurgia cardiovascular,Cirurgia da cabeça,Cirurgia do aparelho digestivo,Cirurgia geral,Cirurgia pediátrica,Cirurgia plástica,Cirurgia torácica,Cirurgia vascular,Clínica médica,Coloproctologia,Endocrinologia,Endoscopia,Gastroenterologia,Mastologia,Neurocirurgia,Neurologia,Oftalmologia,Ortopedia e traumatologia,Otorrinolaringologia,Patologia,Pneumologia,Pediatria,Radiologia e diagnóstico por imagem,Urologia,Hospital Imigrantes
Hospital IMAS/Imigrantes apresenta relatório de gestão e anuncia ampliação de serviços e infraestrutura

Hospital IMAS/Imigrantes apresenta relatório de gestão e anuncia ampliação de serviços e infraestrutura

Facebook
Twitter
LinkedIn
IMAS/Imigrantes Hospital e Maternidade,Brusque,Relatório de Gestão,Instituto Maria Schmitt,Rio Grande do Sul,Santa Catarina,Mato Grosso,Oncologia,Mamografia,Tomografia,Unidade de Terapia Intensiva,Central de Esterilização,Anestesiologia,Cardiologia,Cirurgia cardiovascular,Cirurgia da cabeça,Cirurgia do aparelho digestivo,Cirurgia geral,Cirurgia pediátrica,Cirurgia plástica,Cirurgia torácica,Cirurgia vascular,Clínica médica,Coloproctologia,Endocrinologia,Endoscopia,Gastroenterologia,Mastologia,Neurocirurgia,Neurologia,Oftalmologia,Ortopedia e traumatologia,Otorrinolaringologia,Patologia,Pneumologia,Pediatria,Radiologia e diagnóstico por imagem,Urologia,Hospital Imigrantes

A direção do IMAS/Imigrantes Hospital e Maternidade de Brusque (SC) apresentou nesta semana um Relatório de Gestão, com o resumo dos números e das ações realizadas no hospital desde fevereiro de 2023, quando passou a fazer parte do Instituto Maria Schmitt, que possui 50 unidades de saúde, nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Mato Grosso. Também foram apresentados os próximos passos do hospital, que vai inaugurar ainda este ano os setores de Oncologia, Mamografia e Tomografia. Além de um Laboratório próprio, cinco novas Salas Cirúrgicas, 10 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva – UTI e uma nova Central de Esterilização.

Conforme o relatório, a quantidade de atendimentos/mês realizados no hospital em fevereiro de 2023 era 1.684. Ao longo do primeiro ano esse número cresceu e o IMAS/Imigrantes fechou o ano com 4.223 atendimentos no mês de dezembro e iniciou 2024 apresentando crescimento já no primeiro mês, com 6.869 atendimentos realizados em janeiro. O mês de Abril deste ano, foi o de maior demanda com 9.880 atendimentos realizados, mantendo a média de 9 mil nos meses seguintes.

As cirurgias feitas no hospital também tiveram um aumento expressivo com a gestão do IMAS. Em fevereiro de 2023 foram realizados 194 procedimentos cirúrgicos na unidade Seguindo uma crescente, no mês de julho do mesmo ano foram feitas 621 cirurgias. O período com menor demanda foi agosto de 2023, com o registro de 471 cirurgias realizadas, mais do que o dobro de quando o IMAS assumiu a gestão.

Em 2024, o número de procedimentos cirúrgicos continuou a crescer, passando de 768 em janeiro para 855 no mês de maio.

“Quando nós assumimos, o Imigrantes estava prestes a fechar. Trouxemos o jeito IMAS de ser e de trabalhar. Nos orgulhamos muito do aumento do número de atendimentos e cirurgias, porque são pessoas que foram impactadas positivamente. Por meio de convênio com o Governo do Estado, para atendimentos via Sistema Único de Saúde, conseguimos levar o serviço da saúde para mais pessoas. Com esse contrato SUS, mais particular e convênio, das nossas consultas temos uma conversão de 91% para cirurgia. Ou seja, apenas 9% dos pacientes cirúrgicos chegam de forma espontânea, particular”, destaca o presidente do IMAS, Walmiro Charão Junior.

De acordo com ele, toda a gestão e equipe técnica está muito feliz com os resultados alcançados até agora, bem como com a resposta da comunidade. “Eu costumo sempre andar pelo hospital e conversar com as pessoas, porque é ali que tenho o termômetro de quem vivenciou o hospital. Salvo para o nascimento de um filho, a ida ao hospital normalmente está associada a situações traumáticas, que nos trazem medo e ansiedade. Ofertar um serviço voltado, principalmente, para o atendimento humanizado, que é um dos nossos pilares, nos deixa muito gratos pelos feedbacks que recebemos. Principalmente, de pacientes que aguardavam há anos por um procedimento e agora podem retornar ao seio da família com a expectativa de uma saúde melhor”, frisa.

Especialidades

A quantidade de especialidades atendidas no hospital também aumentou de maneira significativa, passando de 16 em fevereiro de 2023 para 26 no mesmo mês de 2024. Atualmente, o IMAS/Imigrantes atende as seguintes especialidades: Anestesiologia, Cardiologia, Cirurgia cardiovascular, Cirurgia da cabeça e do pescoço, Cirurgia do aparelho digestivo, Cirurgia geral, Cirurgia pediátrica, Cirurgia plástica, Cirurgia torácica, Cirurgia vascular, Clínica médica, Coloproctologia, Endocrinologia, Endoscopia, Gastroenterologia, Mastologia, Neurocirurgia, Neurologia, Oftalmologia, Ortopedia e traumatologia, Otorrinolaringologia, Patologia, Pneumologia, Pediatria, Radiologia e diagnóstico por imagem e Urologia.

Para acompanhar toda essa evolução, a equipe técnica do hospital também cresceu, passando de 140 profissionais em 2023 para 426 em julho deste ano. “Oferecemos um leque de especialidades que a população pode contar no Hospital Imigrantes. Para atender tudo isso, tivemos que reestruturar a nossa equipe. Então, além de aumentar a oferta de serviços, também fomentamos a economia do município com mais oferta de trabalho”, comemora Charão.

Com as novas especialidades e ampliação da equipe, o hospital registrou também aumento na taxa de ocupação dos leitos, subindo de 19,96% em janeiro de 2023 para 42,28% no mesmo mês de 2024, chegando a 83,57% em fevereiro. Conforme o relatório, a evolução de ocupação deste ano se manteve na casa dos 50% nos meses seguintes, com 47,79% em março, 55,25% em abril e 51,15% em maio.

Da mesma forma, a evolução da ocupação dos leitos das Unidades de Terapia Intensivas – UTI apresentou aumento expressivo, passando de 9,30% em janeiro de 2023 para 33,8% no mesmo mês de 2024. O relatório aponta que o mês de maior ocupação nas UTIs foi março deste ano, com uma taxa de 83,79%.

O IMAS/Hospital Imigrantes conta atualmente com 145 leitos, que são distribuídos da seguinte forma: 15 para Suporte Ventilatório Pulmonar, 10 Uti Adulto, 10 UTI Neonatal, 21 UTI Pediátrica, 25 Cirurgia Geral, 8 Ortopedia Traumatologia, 14 Clínica Geral, 7 Cirurgico/Diagnostico/Terapeutico, 20 Obstetricia Cirurgica e 15 Pediatria Clinica.

“Durante esta caminhada de pouco mais de um ano enfrentamos obstáculos e cometemos erros, mas estamos sempre atentos para corrigir o rumo e buscar as melhorias dentro daquilo que se apresenta. Temos muito orgulho do que estamos construindo aqui em Brusque. Confiança a gente não impõe, confiança a gente conquista! E com a população de Brusque, assim como nos demais lugares que o IMAS chegou, não foi diferente. Por mais antagônico que seja, nosso objetivo sempre é transformar em um momento leve a experiência dos nossos pacientes no hospital”, completa o presidente.

Relacionados
NEWSLETTER
Assine nossa newsletter para se manter atualizado.
plugins premium WordPress